spot_img

Bolsonaro dá recado a Contar: “Quando os bons se dividem, os maus vencem”


“Quando os bons se dividem, os maus vencem”. Este foi o recado do presidente Jair Bolsonaro aos correligionários do pré-candidato ao Governo do Estado, Capitão Contar, nesta quinta-feira (30), durante seu discurso na inauguração do Residencial Jardim Canguru, em Campo Grande.


Em sua fala, o presidente já havia dito que é preciso união de forças para otimizar as candidaturas de direita e centro-direita. “Quando os bons se dividem ou se omitem os maus vencem”, afirmou. Falando dos desafios do Governo Federal nos últimos dois anos com a pandemia e crise econômica, ele pontuou que “ninguém vence sozinho, devemos isso sempre a alguém, e isso é gratidão”, citando a ex-ministra Tereza Cristina e demais parceiros.
Em determinado momento do discurso do presidente, um eleitor de Contar grita o nome do candidato em meio ao público. Imediatamente o presidente rebateu: “Esse não ouviu o que eu disse, quando os bons se dividem os maus vencem”, reforçou, sendo seguido por um coro enaltecendo o nome do também pré-candidato ao Governo do Estado, Eduardo Riedel.
A proximidade entre Bolsonaro e Ridel foi flagrande durante toda a visita do presidente. Ambos conversaram durante todo o trajeto do aeroporto ao Residencial Jardim Canguru. Riedel foi o único político sul-mato-grossense a acompanhar o presidente em seu veículo. “Estamos juntos”, disse o presidente ao lado de Riedel e de Tereza Cristina, que lidera a corrida ao Senado no Estado.
Eduardo Riedel tem na ex-ministra de Jair Boslonaro – e líder isolada na disputa pelo Senado – uma parceira de primeira hora e importante elemento na concentração de votos para a dupla.

Presidente mostrou proximidade a Eduardo Riedel e Tereza Cristina durante visita a MS.(Foto: Assessoria)
VEJA TAMBEM

MAIS LIDAS